Dicas

Seis dicas para proteger o PC de atques

Por Renato Nishi*
 
Hoje quando falamos em segurança da Informação, a primeira coisa na qual pensamos é em ter um bom software de antivírus em nosso computador. Mas as soluções de Endpoint vendidas hoje no mercado nos fornecem muito mais que uma simples solução de proteção contra vírus, integrando soluções como Firewall, Prevenção de intrusão e análise de comportamento.
 
Mas mesmo com toda essa tecnologia, acabamos sendo vítimas de ataques cada vez mais frequentes de vírus que muitas vezes nem percebemos que existem, que atuam em background em nosso computador. Isso porque nos anos 90, grande parte dos vírus detectados na rede tinha como real objetivo destruição das informações.  Depois da virada do século, essas mesmas informações passaram a valer muito dinheiro para os hackers, que ao invés de destruir, começaram a literalmente roubar para vender.
 
Com o aumento desse tipo de ataque, as empresas começaram a investir cada vez mais na reeducação de seus funcionários, restringindo o acesso a internet para evitar abertura a invasões. É cada vez mais raro encontrar uma empresa, principalmente as de grande porte, que possua acesso livre a Webmails, redes sociais e MSN.
 
Pensado nisso, preparei aqui algumas dicas de como evitar ser mais uma vítima dessa nova geração de vírus:
 
1. Verifique se o antivírus de seu computador está atualizado: normalmente as atualizações de antivírus são diárias, faça isso rotineiramente.
 
2. Verifique se as opções de atualização do sistema operacional de seu computador estão habilitadas: essas atualizações são muito importantes, pois corrigem falhas do sistema operacional que grande parte dos vírus utiliza para invadir o computador.
 
3. Desconfie de e-mail desconhecidos: nenhuma empresa faz cobranças, notificações ou solicitação de informações confidenciais por e-mail. Principalmente quando se refere a empresas de telefonia, instituições financeiras ou correios eletrônicos.
 
4. Não acesse e-mail pessoal ou realize transações bancárias em lugares públicos: as LAN Houses, escolas e faculdades são ambientes favoráveis a ataques. Esses computadores são usados por dezenas de pessoas diferentes todos os dias, que acessam todo e qualquer tipo de site, sem restrição. Se transformando dessa forma em um ninho de vírus.
 
5. Tome cuidado com sua exposição na internet: evite divulgar seu e-mail, telefone ou endereço nas redes sociais.  Essas informações podem não valer nada para um amigo de um amigo seu. Mas valem muito para uma empresa que depende dessa informação para realizar malas diretas sem autorização.
 
6. Cuidado com as mensagens: identifique sempre a procedência das mensagens, principalmente as que pedem para que você veja um determinado vídeo ou foto clicando em um link. Normalmente são mensagens genéricas, não direcionadas diretamente a você.  E quando se nelas, essa mesma mensagem é enviada para todos seus contatos como se você fosse o remetente, o cuidado deve ser redrobado.
 
Essas dicas podem não evitar completamente o ataque de um vírus, mas com certeza irão dificultar a ação e a disseminação deles.


*Renato Nishi é Analista de Segurança da EZ-Security, integradora especializada em segurança da informação e disponibilidade. www.ez-security.com.br

mais recentes · mais antigos

® 2007-2011 TIBAHIA.COM - O portal de tecnologia da Bahia. Todos os Direitos Reservados.