Softwares e Serviços

Plataforma possibilita ao empreendedor acesso rápido ao crédito

Modelo de empréstimos oferece juros mais baixos que os bancos tradicionais e alcança arrecadação em poucas horas

Salvador, 05/08/2019 - Apesar do termo em inglês parecer complicado, o peer-to-peer lending nada mais é que um empréstimo entre pessoas, realizado em plataformas online. Esse modelo de negócio é um dos mais populares entre as fintechs do Brasil e do mundo e a Kavod Lending se destaca por arrecadar valores expressivos em poucas horas. Um dos seus cases de sucesso é a recente arrecadação que em apenas 41 minutos levantou R$ 110 mil em empréstimo coletivo para uma franquia da escola canadense Maple Bear no Brasil.

Além deste modelo, que tem ganhado espaço no mercado financeiro, o diferencial do peer-to-peer lending (também conhecido como P2P) está nos juros baixos que as empresas tomadoras de crédito pagam pelo empréstimo, que são a partir de 1,2% ao mês.

Bancos tradicionais, por sua grande estrutura, acabam cobrando juros mais altos, atuando com burocracias e demora ao emprestar para empresas. Já no empréstimo coletivo via P2P lending, que detém estruturas enxutas e plataformas digitais, todo o processo é feito de forma rápida, com custos menores e sem burocracias. "Após atuar por muitos anos nessa área, criamos um negócio em que quem toma empréstimo paga juros baixos e quem empresta o dinheiro tem boa remuneração. É justo para ambos os lados. Esse foi nosso principal objetivo desde o começo", explica Renato Douek, fundador da Kavod.

As fintechs de crédito representam 21% do segmento, segundo a pesquisa FinTech Deep Dive 2018 da Associação Brasileira de Fintechs (ABFintechs) em parceria com a PwC Brasil. Nesse mercado, há modalidades de P2P, oferta direta, marketplace, antecipação e consórcio.

Kavod Lending destaca-se no mercado P2P por oferecer garantias reais aos investidores

Kavod Lending opera empréstimos coletivos para empresas de todos os tamanhos, com foco em franquias. O custo do financiamento é a partir de 1,2% ao mês e o prazo para pagamento é de até 24 meses.

"Nosso comitê de crédito analisa o solicitante de forma rigorosa para atestar que as empresas escolhidas não possuem problemas financeiros. Queremos evitar ao máximo que alguém saia prejudicado, por isso, só emprestamos quando há 100% de aprovação do comitê, o que torna o processo cada vez mais seguro", explica Douek.

O número de investidores cadastrados na plataforma, dispostos a emprestar a partir de R$ 3 mil para pequenas e médias empresas, aumentou em 25% no primeiro trimestre deste ano. "O interesse vem aumentando por conta do alto retorno que varia entre 200% a 350% do CDI e da segurança e eficiência da nossa plataforma. Percebemos também que as pessoas estão preferindo emprestar seu dinheiro para fomentar o crescimento de empresas, do que para grandes instituições financeiras", diz Renato.

Franquias conhecidas, como Calvin Klein, Subway, KFC, Sterna Café, Bar do China In box e Mc Donald's, já obtiveram crédito via empréstimos coletivos pela plataforma Kavod Lending. "Além de serem marcas conhecidas, com as quais o investidor tende a se identificar por ser cliente e gostar, atuamos com foco em franquias por acreditar que são modelos de negócios rentáveis para os empreendedores e com menos risco de inadimplência para os investidores", conclui Douek.

mais recentes · mais antigos

® 2007-2011 TIBAHIA.COM - O portal de tecnologia da Bahia. Todos os Direitos Reservados.